Pesquisar no Blog
Comportamento Cuidados Dicas Para Tutores

E agora, levar o pet na viagem de férias: sim ou não?

E agora, levar o pet na viagem de férias: sim ou não?

Quem já está com o passeio de férias marcado precisa tomar uma decisão: levar o pet na viagem de férias – sim ou não? Já existem muitos hotéis e pousadas onde os cães são bem-vindos, e isso é ótimo! Contudo, mesmo assim, muitos podem não se adaptar bem ao ambiente. Então, qual a melhor decisão a tomar?

Avalie os prós e contras

Se você escolheu um lugar pet friendly para passear ou vai para a sua casa de praia ou de algum amigo ou parente, por exemplo, o pet poderá ir. O que é preciso avaliar é o quanto ele irá gostar desse passeio. Muitos cães estão mais do que acostumados a viajar sempre com a família e não sofrem em um ambiente diferente. Pelo contrário, até gostam.

Outros peludos, no entanto, não se sentem à vontade ao ficarem sozinhos fora de suas casas e podem dar trabalho. Então, é importante avaliar cada caso antes de decidir. Se o pet não se sente bem com a viagem e vai precisar passar muito tempo sozinho na casa, vale a pena levá-lo?

Vai receber a família em casa?

Quem costuma receber a família nas férias também precisa pensar no bem-estar do pet. Para o cão que não gosta de estar no meio de muitas pessoas, o ideal é deixá-lo isolado em um lugar que ele se sinta seguro. Assim é mais fácil evitar que ele tenha medo ao ser carregado pelas pessoas e tente se esconder em locais inadequados. É importante deixar ele bem confortável e verificar se está tudo bem ao longo do dia.

Levar o pet na viagem
Levar o pet na viagem de férias pode ser incrível!

Vai viajar com o pet?

O cão que tem medo de andar de carro ou que fica enjoado precisa de cuidados extras. É importante oferecer um calmante natural para que ele possa relaxar (saiba mais sobre os benefícios da passiflora, aqui).

Não se esqueça de acomodar o pet no carro com o uso do cinto de segurança e de fazer paradas para o xixi. No caso dos pets que vão viajar de avião, é preciso preparar todos os documentos necessários com muita antecedência. Então, fique atento ao que é pedido pela companhia aérea.

Também é preciso ficar atento a alguns cuidados dependendo da região que você for viajar, a fim de saber melhor se existe algum tipo de doença comum no local que possa afetar o cão. Então, vale ter a orientação do veterinário sobre o tema para que sejam tomadas providências para a prevenção do pet.

levar o pet na viagem
Se o pet ficar em um hotel, não se esqueça de mandar todos os pertences do seu amigão!

Vai deixar o pet no hotelzinho?

Quem não pode levar o pet na viagem pode optar por um hotelzinho ou por cuidadores. Cuidadores são pessoas que ficam o pet em suas próprias casas. Neste último caso, vale a pena consultar as plataformas Dog Hero e Pet Anjo, que têm muitas opções de acordo com o perfil do seu pet.

Não se esqueça de levar tudo o que o peludo vai precisar. Itens indispensáveis: cama, alimento que ele consome, potes de água e comida, medicamentos que ele toma, brinquedos e ainda uma roupa que tenha o seu cheiro.

Lembre-se que o mais importante é que, com ou sem você, o seu pet fique muito bem! Veja como oferecer o melhor dos bioativos dos ingredientes naturais, aqui.

Veja também:

Botica Pets ganha selo de responsabilidade ambiental

Nenhum comentário encontrado.

Deixe Seu Comentário