Pesquisar no Blog
Dicas

Dicas para cuidar do seu felino: bate-papo com a Dra. Débora Paulino

Você sabe quais os principais cuidados que é preciso ter com os felinos? Então confira as dicas da médica veterinária Débora Paulina, especialista em comportamento felino!

 

1- Quais as 3 principais dicas para um “tutor de gato de primeira viagem”?

A primeira dica valiosa é escolher alimentação adequada à faixa etária e ao estilo de vida do seu gatinho e não se esquecer de que os gatinhos devem comer alimento úmido, também chamado de sachê ou patê. Isso é importante oferecer independente da idade do gatinho.

 

Segunda dica, a quantidade de caixas de areia, a frequência de limpeza, assim como o tipo de substrato, importam para o gatinho. Cada gato tem as suas preferências mas, no geral, o ideal é ter caixas que sejam mais fundas, com uma quantidade suficiente que cubra o fundo e chegue a dois dedos de altura.  A limpeza deve ser diária (retirada das fezes e dos torrões de urina) e recolocada uma areia que preferencialmente faça torrões (aglutine). Assim, a caixa estará mais adequada para o seu gatinho.

 

A terceira dica, não menos importante, é brincar com o seu gato. Descubra os brinquedos que ele aprecia, vale varinha, ratinho, bolinha, brinquedos com catnip (erva do gato). O que importa é estimular seu gatinho sem usar as mãos ou pés como brinquedos. Além de fazer exercício, neste momento ele está relaxando,  exibindo seus comportamentos naturais e nós temos a chance de conhecer mais dos nossos bigodinhos neste momento leve de troca.

 

2- Qual a dica para manter a saúde do felino em dia?

Alimentação de qualidade e água fresca. Alimento úmido pode ser dado todos os dias. A água pode ser em um pote de borda larga, preferencialmente de cerâmica, vidro ou alumínio. A troca deve ser realizada diariamente. A fonte de água também é um estímulo natural para que os gatinhos aumentem a ingestão de água.

 

3- Como deve ser o check-up com vet?

A frequência de check up ao veterinário depende da idade do gatinho e se ele tem alguma patologia crônica, mas, no geral, ao menos uma vez ao ano.

 

4- Quais os cuidados para manter uma alimentação de qualidade?

Sempre observe o interesse e apetite do gatinho no alimento, realize a limpeza dos potes também. Oferecer alimento de qualidade nutricional, deixar o pacote bem acondicionado depois de aberto. Para o sachê, depois de aberto, deixe na geladeira, podendo aquecer quando for oferecer esta porção. Se o sachê ficar no potinho por mais de quinze horas, já pode ser dispensado.

 

5- Como promover entretenimento e brincadeiras?

Como cada gatinho tem as suas preferências, vale tentar brinquedos que o estimule de forma distinta. No geral, brinquedos que incentivam e mimetizam o comportamento de caça fazem sucesso com os gatinhos, ou seja, usar varinhas com cabo longo e varinhas de pena natural são bem atrativas. Alguns gatinhos gostam de catnip, então vale investir também. Ainda podemos brincar com laser mas sempre tomando o cuidado de não mirar no olho do gatinho e ao longo da brincadeira ir lançando alguns petiscos como se fossem pequenas presas para que o gatinho não fique frustrado.


Débora Paulino
é médica veterinária formada pela Universidade Anhembi Morumbi, pós-graduada em Clínica Médica de Felinos pelo Instituto Equalis, palestrante e Mente Criativa na Mais Gato.

 

Leia também 5 dicas para cuidar melhor do seu gato e 10 alimentos que fazem mal ao gato!

Nenhum comentário encontrado.

Deixe Seu Comentário